Post da inveja: Mikkeller Black em Sampa

Enquanto o @effffn fez seu post foda lá da fria Chicago, eu faço o meu no verão paulistano (que é frio de vez em quando).

Eu também sou fã das Mikkeller, culpa do próprio @effffn, que me presenteou uma Beer Geek Breakfast, enfim, esse maluco dinamarquês é recorrente por aqui.

Vamos às minhas impressões sobre essa Stout.

A primeira impressão ao abrir é a falta do escape do gás. Mas na verdade parece que abri uma garrafa de vinho, o aroma foi bem parecido, talvez o álcool, não sei…

Aberta a garrafa, a decisão para o copo certo foi rápida. Stout precisa de uma boca larga, para perceber melhor os aromas e o copo da Brahma Black estava ali, na minha frente. Nada mais justo que presentear esse copo com esta cerveja.

Black in black

A falta de colarinho assusta um pouco, eu admito, mas me acostumei a provar as cervejas que ainda estão maturando, então isso me fez lembrar as provas da primeira Russian Exploit (aquela que o @effffn tomou e estava flat por não ter rolado o primming direito).

Eu não sou um exímio conhecedor de balas de alcaçuz, mas realmente o álcool não é tão evidente no aroma (isso por que são 17,5% ABV, mais que a nossa RIS). Enfim, o aroma é muito bom! Chocolate, café, defumado, rum… Não é muito simples de identificar, talvez um sommelier profissional fale mais bonito, mas o é intrigante e chama o primeiro gole.

Falando neste gole… Muito complexa, dizer que se parece com a Russian Exploit é inflar demais o meu ego. O álcool é mais evidente no paladar, mas te falo que uma HardCore IPA da Brewdog é mais agressivo.

O amargor dessa cerveja é típico de um café forte (sem açúcar, claro), que no final é adoçado por um pedaço de chocolate com alguma noz… Sei lá, acho que já estou viajando com o álcool dessa breja. O sabor modifica absurdamente conforme a temperatura da cerveja aumenta.

Defumado, ameixa seca, licor de café… Desisto, me resumo a dizer que essa cerveja é boa pra caralho!

Falando em humildade, o @effffn esqueceu de tirar a etiqueta de preço quando me presenteou a garrafa. Isso me fez ficar com muita raiva! Como pode uma cerveja boa dessa custar só  US$ 16,45??? Aqui na terra brazilis custaria uns R$ 80,00 fácil…

Deixar a "price tag" foi sacanagem...

Falando em humildade, essa Mikkeller assume que é apenas uma Stout, mas deveria ser uma Imperial, com certeza…

Ah, pra fechar! Quando estava servindo os últimos goles vi que ela tinha uma lama decantada ao fundo. Fiz o famoso movimento das Weizen e deixei o piche cair no copo. Era uma lama negra como a cerveja.

Ao lavar a garrafa para guardar, tive um subproduto da Black! A Mikkeller Brown! 🙂

Mikkeller Brown Ale by Beer Hacking

Sim, eu bebi o subproduto, e digamos que seria a versão homeopática da Black! 🙂

Publicado por Fio Cavallari

Analista de segurança, pesquisador de malwares, guitarrista ruim e imitador do Silvio Santos.

Participe da discussão

3 comentários

  1. Ola…gostaria de saber em qual loja voce comprou este copo, com a boca larga, pois não acho em lugar nenhum! Obrigada! Thaís

    1. Thais, eu comprei esse copo em um fornecedor de artigos de hotelaria. Peguei num lote com pequenas imperfeições.
      Você encontra esses copos da Brahma Black facilmente em Hipermercados. Já deu uma olhada no Walmart ou Pão de Açúcar?

      1. Então….só achei esse tipo de copo com a marca da cerveja….queria encontrar o medelo liso!!! Se tiver alguma infomação, por favor repasse!! Mto obrigada!!

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: