if Cerveja de verão ruim then go to stout

Então… depois do detalhado e informativo post do Fio sobre a Mikkeller, não teve jeito… para acompanhar o jantar, tive que tomar uma breja de verão para combater a cerveja “quente” (e sim, ele tem razão que as cervejas desse tipo descem melhor quando não tão geladas, believe me, tomar uma dessas em temperatura ambiente logo após entrar no bar, quando está uns -20 graus na rua, é tão bom quanto uma zero-grau no verãozão) que ele tomou, afinal, em Chicago (ainda) é verão.

Hora do jantar, fui à um restaurante perto de casa aonde eles tem uma variedade (e rotatividade) relativamente boa de cervejas “on tap” (choppeira).

De novo, verão e no espírito “beerwars” de rebater a stout do post anterior, fui direto para o cardápio das “seasonal special”. Eis que o problemático (eu) com sushi /wasabi e gengibre vê:

lixo

Bom. verão, gengibre (que não seja no quentão “quente”) e tal… pareceu uma opção bem adequada ao momento.

Left Hand Good Juju : (vamos tentar imitar o Fio nas suas reviews)
Left Hand Brewing, uma cervejaria do Colorado. Já tomei várias brejas deles em Chicago, mas, em todos os anos nesta empresa vital, nunca vi nada deles na California ou em outro lugar dos USA.

Acreditem em mim, das cervejas que tomei deles, todas eram boas. Como não somos Foursquare, que é “tudo de bom”, tenho que dizer: ô cervejinha ruim da p*rra! De “good juju” só o “ju”

lixo2

Comparando com a descrição do cardápio:

refrescante: sim
pale ale etc etc etc… : não
gengibre: levemente
aromas cítricos do caray a 4: só se colocassem Sprite ao invés de batizá-la com água

Não é tão ruim assim, mas, é para tomar na esteira ou enquanto corre no parque do Ibirapuera (fica a dica @spookerlabs).

Realmente, ela não tinha gosto de cerveja. Foi mais ou menos como dar um ipconfig numa máquina *nix …

Tempo de degustação: 3 minutos no máximo

Revoltado comigo mesmo com a péssima decisão na cerveja de confronto do beerwars, o que resta?

A salvação (que NEM se compara com uma Mikkeller)

salvation1.0

Tinha que ser Stout, tinha que ser boa e tinha que me fazer esquecer da porcaria de gengibre.

Strong Ale… é essa. Diretamente da New Holland Brewery, em Holland, Michigan, com 10% ABV, e já com um bourbon (daqueles tipo Jack Daniels ou Makers Mark mesmo) embutido

Dragon’s Milk Stout

dragonsmilk

Deve ser bem parecida com a DogFish Head que o Fio comentou há três posts atrás. Meio doce por causa do envelhecimento em barril de carvalho, com aquele gosto acentuado de bourbon whiskey. Tipo, sabe o cheiro (e gosto) do travesseiro na manhã depois de beber (pelo menos) meia garrafa de Jack Daniels? é mais ou menos isso. E isso foi um elogio à cerveja.

v20

(por sinal, se não olhou, vai lá no site deles, tem umas cervejas bem do mau lá)

Quesito Carbonatação: 1 (bem flat)
Quesito Alegoria: no copo de “conhaque”, 10, nota 10, mas como veio da choppeira, sei lá o rótulo
Quesito Complexidade: quebrar WEP com wepbuster … cerveja gostosa como sobremesa, mas, nada complexa
Quesito pwnage: 10% ABV é mais que o dobro de uma Guinness

Veredito: tomaria esta cerveja de novo, fácil (mas cairia BEM melhor no inverno)

Publicado por effffn

http://about.me/effffn

Participe da discussão

2 comentários

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: